sábado, 24 de agosto de 2013

Festinhas Infantis


Última festa infantil, aos 10 anos


Meu filho cresceu e segue sendo o meu herói...

O meu Brasil

Vinde ver! Vinde ouvir, homens de terra estranha!
O Brasil de minha alma, atormentando e aflito,
Cujo nome parece um grito de montanha,
De quebrada em quebrada, acordando o infinito,

Não é esse Brasil de vida efêmera e leviana,
Superficial, anêmico, franzino:
É o Brasil que nasceu na minha terra pernambucana,
O Brasil que  embalou meus sonhos de menino.

É o Brasil intrépido na pela retesa e bronzeada
Do caboclo feliz como um galo da serra;
O caboclo que, com o dealbar da madrugada,
Faz o sinal da cruz e vai cavar a terra.
(continua)

(Olegário Mariano)








2 comentários:

  1. Lindo demais,Roselia!Os filhos são mesmo nossos heróis,salvam nossa vida!...rss...bjs,

    ResponderExcluir

Ser Mãe é padecer no Paraíso... presente incomparável de Deus...

Customizado por Meri Pellens.