sexta-feira, 21 de junho de 2013

1 aninho da filha - Cinderela




De gata borralheira...


À Cinderela...

A pena e o tinteiro

Uma pena presumida
De escrever grandes sentenças,
Falava das suas obras,
Tão sublimes como extensas.
-Sem mim, disse ela no tinteiro,
Pouca figura farias:

Cheio de um licor imundo,
Sem mim, triste, que farias?
O tinteiro injuriado
Vazou toda a tinta fora,
E voltou-se para a pena
Dizendo-lhe: Escreve agora?
(Marquesa D'Alorna)



2 comentários:

  1. Parabéns pra ela e familiares, beijos e bom final de semana. :)

    ResponderExcluir

Ser Mãe é padecer no Paraíso... presente incomparável de Deus...

Customizado por Meri Pellens.