domingo, 19 de maio de 2013

Pessoa x beleza


Mãe:

Eu sou uma pessoa sem beleza.

Filhos:

Eu sou a beleza da sua pessoa.

Treze de Maio

Cada vez que falar ouço
Dos escravos, dos tormentos,
Dos seus grandes sofrimentos
Da sua vida cruel,
Bendigo a Lei de Paranhos,
E de Cotegipe o ensaio,
Bendigo o 13 de Maio,
Louvo a Princesa Isabel!
Rendo uma terna homenagem
Aqueles que trabalharam,
Que pelo escravo lutaram
Pondo fim à lei servil.
E do íntimo do meu peito
Peço a Deus, que o amor encerra,
Que abençoe a minha terra
Meu grande e forte Brasil!
(Isabel Vieira de Serpa e Paiva)





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ser Mãe é padecer no Paraíso... presente incomparável de Deus...

Customizado por Meri Pellens.