sábado, 20 de outubro de 2012

Querida Mãe


Querida Mãe,

"Muitas são as aflições do justo mas o Senhor os livra de todas."

Seu filho,
Com carinho,

Gabriel

De sombrinha

Vejam-me só! Que elegância!
Em que ponta eu hoje estou
Com esta bela sombrinha,
Que o padrinho me comprou!

Andando, assim, como eu ando,
Tão elegante, de sombrinha,
Não há ninguém que me deixe
De julgar uma mocinha!

Quero que todos exclamem:
-Isso sim! Não é mentira!
Reparem bem que seus modos
São de moça pequenina!

Seguro a minha bolsinha
Como faz toda senhora!
Mas não se riam de mim
Senão daqui vou-me embora!

E quem muito há de gostar
De me ver assim vestida,
Toda catita e galante
É a mamãezinha querida!
(Francisco Viana)

Um comentário:

  1. Emocionante mensagem...em se tratando de um filho, encanta muito mais.
    Bjssssss,
    Leninha

    ResponderExcluir

Ser Mãe é padecer no Paraíso... presente incomparável de Deus...

Customizado por Meri Pellens.